Bem-Vindos ao Novo Site do Visite Urucânia!
Clique aqui para ouvir o texto

Nossos Casos

.

Nossa Senhora das Graças Rual e Roçal

1.780 visitas

Com a vinda de Padre Antônio Pinto para Urucânia, a devoção à Nossa Senhora das Graças foi aumentando e os devotos da Virgem das Graças queriam vê-la mais conhecida e louvada.

Descobriram então um meio fácil de espalhar sua devoção. A imagem de Nossa Senhora das Graças visitadora. A imagem ficava na casa de cada família por uma semana, depois era levada para outra família que aceitava acolhê-la.

Os que recebiam Nossa Senhora, sentiam-se honrados com a visita como se estivessem recebendo a pessoa de Maria. Todas as noites reuniam-se as famílias vizinhas para a reza do terço. No fim de uma semana, a imagem era levada para a casa de outra família.

Todos queriam receber a visita de Nossa Senhora das Graças. Era motivo de festa, alegria, fé e devoção.

Os moradores de outras comunidades começaram a reclamar que demorava muito para a imagem chegar à casa deles. Aí é que veio a solução: uma senhora muito simples e humilde deu sua opinião… “Comprem mais uma imagem. Assim fica uma Nossa Senhora das Graças Rual, para as famílias da rua e outra Nossa Senhora das Graças Roçal, para as famílias da roça” .

Com isso, a imagem de Nossa Senhora “ROÇAL” subia e descia os morros para visitar as famílias, como fez a Virgem Mãe de Deus ao visitar sua prima Izabel.

Uma particularidade de Nossa Senhora Roçal é que ela andava longe e trazia de longe os devotos não só para a oração como também para a união dos irmãos.

Era o cafezinho com bolo, broa, biscoitos etc o agrado que recebiam após a visita.

Tudo era motivo de alegria, confraternização e união. Todos se alegravam, rezavam e Nossa Senhora ia espalhando suas graças, chuvas de bênçãos para o povo de Urucânia.

texto enviado por uma pessoa que se intitula  “Urucaniense Saudosista”

Texto extraído do livro URUCÂNIA GRACIOSA do autor PADRE EFRAIM SOLANO ROCHA

Este livro pode ser adquirido nos seguintes locais:

No endereço do autor:
Rua José do Patrocínio, 201
Cidade Nobre – Ipatinga – M.G.
CEP: 35162-383

e no Bazar do Santuário Nossa Senhora das Graças
Av. Ari Soares, 05
Centro – Urucânia – MG
CEP: 35.380-000

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Click to listen highlighted text!